Pequenos mandatos, grandes negócios

      Nenhum comentário em Pequenos mandatos, grandes negócios

DEU NA ISTO É:

“Na primeira semana deste mês, o senador Gim Argello (PTB-DF) desembarcou na antessala da Presidência do Senado exibindo um indisfarçável sorriso no rosto. (…)

“Alcancei meu primeiro bilhão de reais”, disparou, para a surpresa dos colegas.

Aos 47 anos, Argello personifica o milagre de Brasília. A capital federal não possui indústrias, grandes multinacionais nem de longe é o coração econômico do País. Mas é uma cidade onde as pessoas usam a proximidade com o poder como trampolim para o mundo dos grandes negócios.

(…)

Argello iniciou a carreira empresarial há 25 anos, como corretor de imóveis. Tinha um patrimônio que não chegava aos R$ 100 mil, ou seja, 10 mil vezes inferior ao que ele anda alardeando pelos corredores do Senado. Graças à bem-sucedida atividade de corretagem, ele conseguiu multiplicar seus bens por três em menos de uma década.

Mas foi com a política que viu seu patrimônio crescer de forma meteórica.”

Leia mais em
O Homem De R$ 1 Bilhão