Folha fez terrorismo com gripe suína

      Nenhum comentário em Folha fez terrorismo com gripe suína

É o que diz Luiz Antonio Magalhães, no observatório da imprensa. Do sensacionalismo ao terrorismo, é apenas uma questão de assunto.

“No último sábado (19/9), fez dois meses que a Folha de S.Paulo publicou, em edição de domingo e na primeira página, um dos maiores absurdos da história do jornalismo brasileiro, que pode ser conferido abaixo, na reprodução da capa daquele fatídico dia: “Gripe suína deve atingir pelo menos 35 milhões no país em dois meses”, vaticinou a o jornal

(…)

No fundo, tal gripe suína foi mais uma grande cascata da imprensa, como o Ebola e certas “crises políticas” geradas no conforto das redações. A irresponsabilidade deveria ter limites. Na Folha, ao que parece, não há limites.”

Leia tudo em
Uma barriga monuental – Observatório da Imprensa.