Cacique do PSDB ameaça liberdade da TV cultura

      3 comentários em Cacique do PSDB ameaça liberdade da TV cultura

Estão querendo tirar a única tv que presta neste estado. Jornalismo livre, programação inteligente, programas infantis que não fazem mal às crianças… tudo isso tem na cultura. Imagine se o Roda Viva se preocupasse em aumentar a audiência. Que perda para a cultura nacional.

Deixamos aqui nosso apoio ao Markun e à galera da tv cultura, e nosso repúdio à proposta do secretário Lobo.

Veja mais delhates abaixo:

Secretário de Relações Institucionais do governador José Serra e presidente do PSDB paulistano, o advogado José Henrique Reis Lobo, 65, sacudiu o conselho curador da Fundação Padre Anchieta, mantenedora da TV Cultura.
Em carta enviada aos conselheiros (são 47), Lobo questionou a falta de preocupação com a baixa audiência da emissora e defendeu a implosão do próprio conselho, além da “profissionalização” da diretoria executiva, presidida por Paulo Markun. A Cultura tem média atual de só 1,4 ponto no Ibope da Grande SP, equivalente a 80 mil domicílios sintonizados na emissora por minuto.”

DANIEL CASTRO
Secretário do governo prega implosão do sistema de gestão da emissora e critica aparente desprezo pela audiência (Folha 17/3/09)

“Não faz sentido fazer TV para ninguém.” Markun enfatiza que a baixa audiência não é um problema exclusivo da TV Cultura, mas de várias emissoras públicas que não seguem lógica comercial, como a PBS, dos EUA.

Ele avalia que a Cultura apresenta “um bom resultado” na relação custo-benefício e que “está acima da média no que diz respeito a gastar bem o dinheiro”. Segundo Markun, a emissora custa 50 vezes menos do que a Globo, mas sua audiência é só 17 vezes menor.”

Daniel Castro
Presidente da TV Cultura rebate acusações de secretário (Folha, 17/3/09)