Antidepressivo que não deu certo vira “viagra feminino”

Para quem acha que a farmacologia é uma ciência exata, taí um ótimo exemplo do contrário. Com toda nossa parafernália tecnológica e teórica, ainda não saímos da boa e velha “tentativa e erro”.

“Um medicamento que foi originalmente desenvolvido como antidepressivo teve um surpreendente e positivo efeito colateral: as mulheres que o experimentaram relataram “significativa melhoria” em seu desejo sexual, divulgou nesta segunda-feira (16) o jornal britânico “The Independent”.

Leia tudo na Folha Online – Ciência – Antidepressivo que não deu certo vira “viagra feminino” – 16/11/2009.